segunda-feira, 4 de junho de 2012

RG RELEMBRA #02: FLORIBELLA (2005/2006 - BAND)


Depois de cinco meses de sua estreia, o #RGRelembra volta para recordar a novela mais “espetaculinda” de todas.

Juliana Silveira deu vida a Maria Flor Miranda.

   Duas temporadas, 344 capítulos, três CD's (um deles duplo), dois DVD's e um box de melhores momentos da primeira temporada, um espetáculo ao vivo, uma linha de sapatos, um livro de histórias, dois livros ilustrados (de figurinhas)... “Floribella” marcou para a Band, no ano de 2005, uma (bem-sucedida) retomada da dramaturgia na sua emissora, que estava parada desde “Meu Pé de Laranja Lima”, em 1998. E a receita de sucesso tinha tudo para dar certo: um roteiro argentino de Cris Morena - mesma autora de “Chiquititas” -, os mesmos produtores do reality-show musical “Popstars” - sucesso nos anos de 2002 e 2003, no SBT, incluindo seu produtor musical, Rick Bonadio, que foi encarregado de versionar para o português algumas músicas da novela argentina e compor temas inéditos para a versão brasileira de “Floricienta”. A presença de atores conhecidos do grande público (lê-se: globais) no elenco também ajudou a impulsionar o folhetim, que fez um sucesso estrondoso durante os dois anos que ficou no ar.
   Como fã incondicional desta novela, tentei várias vezes escrever esse #RGRelembra e ele sempre ficava longo demais... Para facilitar a minha vida e, principalmente, dos meus leitores, encontrei um modo para sintetizar meus pensamentos, lembranças e os detalhes da trama (que por ser fã, sei de muitos!). Então, vamos deixar de enrolação, porque eu não quero que vocês tenham um “fliquiti” antes de se aventurar comigo ao ler sobre essa novela hiperultramegapowertudo! Com vocês, “Floribella, a novela da Band”! 1, 2, 3, bam, bam!

PRIMEIRA TEMPORADA (2005)
(Criação de Cris Morena | Roteiro de Solange Keoleyan e Gabriela Fiore | Adaptação: Patrícia Moretzsohn e Jaqueline Vargas | Roteiro Final: Patrícia Moretzsohn | Direção: Sacha e Ricardo F. Pereira | Direção Geral: Elisabetta Zenatti)

FLORIBELLA: Encontrar a protagonista da trama não foi uma tarefa fácil. Juliana Silveira quase desistiu quando soube que teria de cantar em “Floribella”. Durante o primeiro teste para a novela da Band, ainda insistiu: “Vocês têm certeza de que querem que eu cante?”. Diante da resposta positiva, atacou “Coração de Papelão”, antigo sucesso infantil nas vozes de Jairzinho e Simony, do extinto Balão Mágico. Vencida a seleção, a primeira tarefa de Juliana foi justamente gravar o CD com a trilha sonora da novela, em janeiro de 2005. E a atriz até hoje não acredita no resultado. “Fiquei encantada com a minha voz. Quando ouvi pela primeira vez, falei: ‘Não é possível, não sou eu!’”, conta, orgulhosa. A novela entraria no ar no dia 5 de Abril daquele ano, às 20h10 da noite.

POR QUE: A balada romântica de Maria Flor Miranda (Juliana Silveira) e Frederico Fritzenwalden (Roger Gobeth), ultrapassou os limites de “Floribella e Sua Banda”, a banda criada dentro da trama. “Por Que” virou sucesso radiofônico em todo o Brasil naquele ano. Além disso, o primeiro disco com a trilha sonora da novela vendeu 200 mil cópias. Como se não bastasse o sucesso de vendas, a novela serviu de pretexto para Juliana e Roger se aproximarem (e namorarem!) na vida real tempos depois.

TIC TAC: Floribella e Sua Banda” teve várias formações ao longo da primeira temporada. A banda, que ensaiava numa garagem na Travessa dos Beijos, tinha como primeira vocalista a insossa Jasmim (Marina Azze), que logo no primeiro capítulo foi substituída pela Flor. Fizeram participações na banda também o Chuck (Pierre Baitelli), a Juju (Eline Porto), e o Gui (Bernardo Marinho). No fim da primeira temporada faziam parte da banda: Flor, Tati (Úrsula Corona), Bruna (Mariah Rocha), Batuca (André Luiz Miranda), DiCaprio (Bruno Miguel) e Betinho (Gabriel Lasmar).

O primeiro show de Flor como vocalista na mansão dos Fritzenwalden.

POBRE DOS RICOS: Não tenho nada, e tenho tenho tudo / Sou rico em sonhos, e pobre pobre em ouro / E o que me importa se todo esse dinheiro / Não compra amigos, estrelas, o amor verdadeiro!”. Esse verso do refrão foi o primeiro cantarolar de Flor logo no primeiro capítulo e acabou sendo, também, um dos grandes sucessos da primeira temporada. A música mostrava bem o contraste entre o núcleo rico (mansão dos Fritzenwalden) e o núcleo pobre (Travessa dos Beijos).

E ASSIM SERÁ: Um dos defeitos de adaptar uma trama é tentar seguí-la em sua essência. Em relação à “Floricienta”, “Floribella” trouxe algumas diferenças. Na trama argentina, a Flor era mais madura, bebia e até engravidava! No Brasil, apostaram numa Flor angelical, bobinha e imatura, mas que cativou a todos. Um outro detalhe foi a morte do personagem Fred: na Argentina, o Fred teve que morrer porque ele não queria continuar na novela, que havia confirmado uma segunda temporada. Cris Morena resolveu então matá-lo num acidente de carro. No Brasil, o Roger Gobeth não queria deixar o “Seu Freezer” morrer, e para não chocar os pequenos telespectadores e seguir a história importada, o Fred tupiniquim sumiu num acidente aéreo e nunca mais foi encontrado.

PRIMEIRO ENCONTRO: Nesta novela, além de atores consagrados como Zezé Motta (Titina), Suzy Rêgo (Malva), Igor Cotrim (Mateus), Norma Blum (Corina) e Eliana Fonseca (Selma), tivemos um “primeiro encontro” com novos atores que nos surpreenderam naquela primeira temporada. A começar pela vilã principal, a “bruxa nova xexelenta” Delfina (Maria Carolina Ribeiro) e os atores Gustavo Leão (Guto) e Mariah Rocha (Bruna), irmãos do Fred.

MIAU MIAU: Não bastasse “Floribella” nos cativar com as músicas, suas gírias caíram nas graças do público. Expressões como “espetaculindo”, “engracilário”, “fliquiti”, “hiperultramegapower”, “ufa!” e “a vida é um morango” eram uma constante no texto leve e de fácil entendimento da trama.

MEU VESTIDO AZUL: O figurino da Flor era um show à parte. Apostando nas misturas de peças e tecidos coloridos, a figurinista Lulu Areal estava presente em todos os looks da cinderela do ano 2000. Como esquecer do lindo vestido de noiva da Flor, no último capítulo, com detalhes de saco plástico e papel crepom?

O "casamento simbólico" de Flor e Fred foi feito no último capítulo.

VOCÊ VAI ME QUERER: Com essa música, Delfina Torres Bittencourt roubava a cena. A grande vilã da novela era feita com maestria pela Maria Carolina Ribeiro. A Delfina não media esforços para conseguir se casar com o Fred, desde se fingir de grávida, até bolar uma doença terminal, onde acaba conseguindo o seu maléfico objetivo. A Malva, sua mãe, era a sua grande cúmplice em todas as suas tramoias. As duas protagonizaram cenas antológicas em “Floribella”. As cenas de discussão entre ela e a mocinha Flor também eram muito bem construídas. Delfina também tinha uma irmã, a doce Sofia (Drica Rabello), mas acabara descobrindo no meio da trama seu parentesco com a Flor que era, na verdade, sua meia-irmã.

VEM PRA MIM: Até Flor se “casar” com o Fred, ela teve grandes pretendentes na primeira temporada. O “Seu Freezer” teve que concorrer fortemente com o “Seu Forno”, que era o seu primo Adriano (Daniel Ávila) e o Miguel (Mateus Rocha).

CRIANÇAS NÃO MORREM: O elenco infantil de “Floribella” nos divertia e nos emocionava também. Na mansão dos “Fritzentchuntchis” tinha o JP (Johnny Massaro), o mini-CDF da família, e o levado Joca (João Vithor Oliveira). Duas crianças fizeram participações especialíssimas, deixando a sua marca na novelinha, como a “capetinha” Willy Jean (Érica Oliviero) e a doce Renatinha (Isabella Cunha), que nos cativava com tamanha meiguice e nos arrancou algumas lágrimas em sua “primeira despedida” da novela.

GAROTO LINDO: A primeira temporada deixou sucesso e saudade no dia 25 de novembro de 2005 com o seu capítulo de número 170, mas já naquele instante ficamos com a promessa de uma segunda temporada, algo que aconteceria em janeiro de 2006. E nesse meio tempo, tivemos um especial de Natal, que se tornou o primeiro DVD da novela, e um programa especial que mostrou os melhores momentos da novela até então chamado “Diário da Floribella”. Assim lembramos de cenas que marcaram aquele primeiro ano, com personagens inesquecíveis como a governanta Helga (Vic Amor Militello), o cozinheiro Gerard (Gustavo Ottoni), a empregada Amélia (Suzana Abranches), o trambiqueiro Pachecão (Gilberto Hernandez), o velho Vladislau (José Steinberg) e o Luciano, esposo de Delfina, vivido por Bruno Padilha (esposo de Maria Carolina na vida real).


SEGUNDA TEMPORADA (2006)
(Adaptação: Patrícia Moretzsohn e Jaqueline Vargas | Direção Geral: Elisabetta Zenatti)

É PRA VOCÊ MEU CORAÇÃO: Cinco dias após o encerramento das gravações da primeira temporada, em novembro de 2005, a equipe estava de volta para começar os trabalhos de “Floribella 2”, que estreou no dia 23 de janeiro de 2006. Devido ao sucesso do primeiro ano, a Band determinou a exibição da novela aos sábados também, que até então ia apenas de segunda a sexta. Para a nova temporada, novos atores, novas canções e nova comunicação visual: as flores que eram destaque da primeira temporada, davam lugar à corações, como diria a nova canção de abertura. A segunda fase começou com pé direito, menos para Juliana Silveira. A intérprete de Flor machucou o pé esquerdo ao comemorar a gravação do último capítulo da primeira temporada com um dos diretores. E em virtude do curto espaço de tempo entre as gravações de uma temporada e outra, o acidente da atriz foi incluído para Flor na trama.

COISAS QUE ODEIO EM VOCÊ: A contragosto dos fãs que torciam pelo casal Flor e Fred na primeira temporada, tivemos que aceitar o “sumiço” do “seu Freezer” – que voltou nos cinco primeiros capítulos, como participação especial, meio que pra “justificar” sua saída da trama – e a chegada do esnobe Conde Máximo Augusto Caldeirão de Alicante, interpretado por Mário Frias, encarregado de ser o novo príncipe da Flor.

TE SINTO: Essa música, que foi o “Por Que” da segunda temporada, mostrava a tristeza de Flor pela perda de seu grande amor, o Frederico. Foram necessários muitos capítulos para que Flor superasse a perda de seu primeiro príncipe e enxergar a felicidade que estava a sua frente.

Mário Frias e Juliana Silveira gravando a abertura de 2006.

O QUE ESCONDE O CONDE: De forma meio “esquisistranha” (como diria a própria Flor), o Conde Máximo Augusto “cai de paraquedas” no primeiro capítulo da novela após ser nomeado por Fred(?) como tutor de seus irmãos e das empresas da família Fritzenwalden. Ele é o futuro rei de um pequeno país chamado Krikoragán e chega acompanhado de seu fiel escudeiro e mordomo Evaristo (Leonardo Cortez). Levando uma vida de bon vivant, o Conde é um típico playboy que nunca teve de trabalhar. Era um conquistador, mas não levava muito a sério as mulheres que conhecia. E isso se devia por ele ter sofrido uma grande decepção amorosa no passado. Desde então, ele não amava ninguém, a não ser a si mesmo, sendo profundamente egoísta.

DING-DONG: “Floribella e Sua Banda” teve algumas mudanças na segunda temporada. Com as saídas de Bruna e Tati, no último capítulo da primeira temporada, Marta (Letícia Colin) assumiu o posto. A banda também perdeu a garagem (o Galponex) para transformá-la na Rádio Beijos.

DESDE QUE TE VI: Falando na Martinha, esse foi seu tema de amor na segunda temporada, quando ela se descobriu apaixonada por DiCaprio, que estava sozinho desde que Bruna viajou para Londres. Esse amor se estendeu aos palcos de “Floribella – O Espetáculo Musical”, e no penúltimo capítulo da novela, eles se casaram.

EU POSSO, VOCÊ TAMBÉM: O segundo disco de “Floribella” já saiu de fábrica com tiragem inicial de 50 mil cópias (no primeiro foi a metade), e logo se tornou sucesso de vendas. Na carona do sucesso, “Floribella 2 – É Pra Você Meu Coração” deu origem a um CD duplo de Remixes e Karaokê.

Flor enfrentou Delfina a novela inteira para ficar com o Conde.

CAPRICHOS: Delfina continuou mais maléfica do que nunca na segunda temporada, que começou vitoriosa por Fred sumir sem conseguir desmanchar o casamento civil com ela na Alemanha, no fim da primeira temporada. Ao saber do sumiço de Frederico, e se tornando responsável pelos irmãos dele também (além de sua fortuna), tratou de mandar JP e Joca para um internato. E ao descobrir o status social do Conde Máximo, passou a fazer de tudo para se tornar a futura rainha de Krikoragán.

FLORES AMARELAS: Símbolo de Krikoragán, as flores amarelas são o vestido azul da segunda temporada. E no mesmo contexto do primeiro ano, esses presentes são dados a Flor para que ela vá ao encontro de seu príncipe para resolver algum grande mal-entendido. Mas tudo acontece e os príncipes nunca chegam no local combinado...

VOCÊ VAI VOLTAR: Esse foi o tema de amor de Conde e Flor. Um amor que demorou para ser resolvido, fazendo com que, nos últimos capítulos, Flor fosse até Krikoragán para tentar conquistar o seu novo príncipe amado.

HÁ UMA LENDA: A lenda de Floribella chegou ao fim após 174 capítulos no dia 12 de Agosto de 2006. No dia anterior, teve um capítulo especial de 80 minutos de duração. A história se encerrou no reino de Krikoragán. E os momentos finais foram esses: Flor foi sequestrada pelo Barão João Gusmão (Fernando Alves Pinto), primo do Conde Máximo que não queria que ele se tornasse Rei de Krikoragán. Após uma luta, o Conde nocauteou o Barão e salvou Flor. Mas Barão não desiste e, na hora do casamento de Flor e Conde, ele reaparece com uma espada. Na busca de enfrentá-lo, Máximo tenta tirar a “Exkralibur” de uma pedra, mas ele não consegue. E de forma surpreendente, Betinho retira a espada histórica do lugar, descobrindo que ele era o filho desaparecido do Rei Totoca (Antônio Pedro), e o real herdeiro do trono de Krikoragán, e salva o Conde de um ataque fatal do Barão. Após ouvir a real história de sua vida, Betinho abdica do trono de Krikoragán, passando para o Conde Máximo, por achar ele mais preparado para assumir o reino. No Brasil, conhecemos o final das bruxas malvadas: Malva não tinha mais onde morar e Pacheco a convida para o "muquifo" dele, junto à peixaria, que é onde ele morava antes de conhecê-la, e eles começam a trabalhar juntos na peixaria. Já Delfina termina presa na mansão dos Fritzenwalden, após ser desmascarada no casamento de DiCaprio e Marta, quando se descobriu que os dois casamentos dela, um com o Fred e outro com o Conde (sim! eles também se casaram na novela) são inválidos, já que ela sempre foi casada com Luciano. E este inclusive, abandonou a esposa no seu pior momento, terminando no Caribe, cercado de outras mulheres. E na última cena, assim como diz o resumo do capítulo: “Máximo e Flor são coroados e prometem um reinado e paz, amor e amizade para as crianças do reino. A partir de hoje, todos os dias serão felizes em Krikoragán.

E finalmente, Flor termina bem com o seu novo príncipe. Digo, Rei!

VEM DANÇAR: A novela ganhou vida além da televisão. Além dos produtos, CD's e DVD's, o folhetim ganhou os palcos brasileiros. “Floribella – O Espetáculo Musical” foi uma peça teatral baseada na novela, mas que tinha uma história independente da trama. No elenco, apenas a Flor, DiCaprio, Marta, Evaristo, Conde e Delfina, além de um corpo de bailarinos. Alternando atuação e dança, o musical foi um sucesso e passou por São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, todos com casa cheia! O musical virou especial na Band, serviu de cenário para algumas cenas da novela e, mais tarde, saiu em DVD.

PAÍS DAS ÁGUAS: O patrocínio da Petrobras fez com que a segunda temporada tivesse alguns insights ecológicos na trama. Essa pegada também foi levada para o espetáculo musical, além de render uma música para a trilha sonora da novela. "Floribella" teve as duas temporadas reprisadas a partir de outubro de 2006 nas tardes do canal fechado Disney Channel. A Band organizou duas reprises nos anos de 2007 e 2008, com 162 capítulos - mas apenas para São Paulo - e ainda sim, a audiência não foi tão boa devido aos programas religiosos que antecediam a exibição.

   Ufa!!! Cansou né pessoal? Agradeço a todos que leram esse post que deu taaanto trabalho pra ser feito, mas pra quem é fã foi ótimo relembrar esses momentos. Há especulações de que, com o sucesso de "Carrossel", a Band planeja reprisar a novelinha mais uma vez no horário da noite. Quem é fã, já está na torcida, não é, pipocuchos? rs! =)

27 comentários:

  1. JENNIFFER DARLLE4 de junho de 2012 08:26

    NOSSA ROBSON VERDADE COMENTAVAMOS MUITO NA ESCOLA SOBRE FLORIBELA! ADOREIIIIIIIIII BJS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu quero que a floribella volte choro toda noite querendo que a floribella voltasse

      Excluir
    2. Nem tem mais na Netflix, eu estava assistindo e do nada parou e não está disponivel

      Excluir
  2. Robson Gomes, se eu tivesse um chapéu, tiraria pra você. Genial. O problema da extensão do texto foi resolvido, mas e o problema da saudade????

    Foi maravilindo ler tudo isso, lembrar as cores que decoraram aqueles anos da minha vida, minha paixão reprimida por DiCaprio, minha vontade de pintar o cabelo como Malva (juro. Cruella perdia em estilo). Só que o coração apertou por aqui. Duramente. Acho que gostaria de ter tudo isso de volta...
    Pude ouvir a Flor falando aquelas expressões todas (que eu repetia sem parar). Fechei os olhos e a vi plantando a Noz no jardim. Cantei música por música enquanto lia esse #RGRelembra. Ri como boba e meus olhos até se encheram de lágrimas. Tô aqui aplaudindo de pé... Ficou perfeito.

    Vou ali pegar um Bamba da Sorte e dançar Pobre dos Ricos. 2bjos.

    ResponderExcluir
  3. eu amei floribella a primeira e a segunda temporada. gostaria muito q voltasse.
    gostaria de saber quando vai ter a terceira temporada .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thata o canal 13 cogitou fazer a terceira temporada mas essa nunca saiu por questões contratuais e tem mais eu já sou a dona

      Excluir
  4. amo essa novela maravilhosa.

    ResponderExcluir
  5. tem a marta diz assim o lobo do mar solitario essa muito boa ha muito lobos do mar solitario por ai

    ResponderExcluir
  6. belíssimo post espero que a novela seja realmente reprisada. parabéns pelo texto ficou incrível

    ResponderExcluir
  7. eu assistia floribella com 3 e 4 anos e hoje eu tenho 10 poderia voltar a passar

    ResponderExcluir
  8. eu amava essa novela e depois que teminou eu fiquei triste eu quero tanto que volte a passa de novo

    ResponderExcluir
  9. nossa amei relembrar FLORIBELLA! da taaanta saudade. eu assisto alguns capitulos pelo you tube, mas são cortados, cerca de nove minutos só. ADORARIA q passasse de novo!!! parabéns pelo texto, massa!!!

    ResponderExcluir
  10. adoro desde do começo assistir essa novela Floribella e gostaria muito que passa-se de novo Floribella na telhinha

    ResponderExcluir
  11. A melhor telenovela que já assisti, a saudade era tanta, que revi as dua temporadas no youtube, mt emoção, só falta a terceira temporada!!!!

    ResponderExcluir
  12. quando eu era pequena ganhei o dvd do show ao vivo e nao parava de assistir um segundo se quer saudades lindisima floribela

    ResponderExcluir
  13. Poderia voltar a passar novamente por que foi show

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade mesmo e show e deveria voltar

      Excluir
  14. chorei horrores vendo o capítulo que o fred se despede da flor, me lembrei do quanto fiquei chateada na época da novela, nossa tudo culpa desse cara que quis sair da novela, muita mancada....

    ResponderExcluir
  15. que saudade.. na epoca eu tinha uns 6/7 anos e nao perdia um capitulo. Hoje, depois de tanto tempo, eu tenho 16 e ainda assistiria novaamente, é uma novela muito boa, as novelas infantis que passam agora nao chegam aos pes desta.

    ResponderExcluir
  16. que saudade.. na epoca eu tinha uns 6/7 anos e nao perdia um capitulo. Hoje, depois de tanto tempo, eu tenho 16 e ainda assistiria novaamente, é uma novela muito boa, as novelas infantis que passam agora nao chegam aos pes desta.

    ResponderExcluir
  17. Eu assistia muito e agora estou assistindo no Netflix, mas vou parar de ver, ah não, dá muita tristeza saber que no final o Fred Some . . nossa que Revolta, eu lembro que eu fiquei tao triste da outra vez que passou e agora de novo . . .Ai que raiva desse autor, porque fez isso,cade a criatividade para contiinuar ca 2º Temporada heim? tem que copiar tudo do estrangeiro? Poxaaaa #Fred Volta 3º Temporada Please!!!

    ResponderExcluir
  18. Adorei. Gostaria que tivesse a terceira temporada ou que fosse reprisada as duas temporadas.

    ResponderExcluir